Fiquei em dúvida no momento de nomear este post… Seria melhor “sobre a distância” ou “sobre a saudade”? Na verdade, eu nem sei definir o sentimento que tenho para poder nomeá-lo. Talvez porque sua nomenclatura ainda não exista ou outro motivo qualquer que o destino resolveu aprontar. Deixar o ninho, admito, já é um passo grande demais. Morar longe de casa então, ainda maior. Mas, foi minha escolha e a de tantos outros garotos e garotas com quem acabei esbarrando por aqui. Alguns gostam, alguns desgostam e muitos apenas convivem com esta eterna sensação. E preenchemos nossas cabeças com a sentença de que fomos nós quem fizemos esta escolha e um dia será recompensada. Já está sendo na verdade! A…

Ler Mais